Como escolher o Whey Protein ideal?

O Whey Protein é o suplemento mais popular entre os praticantes de atividade física. No entanto, muitos ainda não sabem como escolher o Whey Protein ideal para sua necessidade.

Essa é uma dúvida bastante comum em função da ampla variedade de marcas e de versões da proteína no mercado.

É para isso que estamos aqui: ajudar você a entender o que é importante observar na hora de escolher o melhor produto de acordo com seu objetivo. Preparado(a)? Então vamos lá!

Mas o que é Whey Protein?

O Whey Protein é obtido a partir do soro do leite e é considerado uma proteína de alto valor biológico, já que fornece todos os aminoácidos que nosso organismo não é capaz de produzir, chamados de aminoácidos essenciais.

Entre eles estão os aminoácidos de cadeia ramificada, os BCAA, compostos pela leucina, valina e isoleucina, além da glutamina, considerada um aminoácido condicionalmente essencial, ou seja, que nosso organismo é capaz de produzir.

No entanto, quando praticamos exercícios intensos a demanda aumenta e a suplementação se torna necessária. Mas então intolerantes a lactose e veganos não podem tomar? Calma! Hoje o mercado está cheio de opções para todos os públicos, vamos conhecer?

Whey Protein Concentrado (WPC)

É composto pela proteína intacta e deve ser digerido normalmente para ser absorvido, ou seja, como passa pelo processo normal de digestão, tem absorção mais lenta.

Ainda contém lactose e traços de gordura em sua composição, por isso, não é indicado para intolerantes ou pessoas com alergia à proteína do leite.

Pode ser composto por 25% a 89% de proteína, mas quanto menor os níveis de proteína, maior será a presença de gorduras e lactose, o carboidrato presente no leite.

Whey Protein Isolado (WPI)

É praticamente livre de lactose e gorduras, oferecendo proteína na forma pura, cerca de 90% a 95% de sua composição.

Durante seu processo de filtração, pode haver quebra das estruturas das proteínas, tornando a absorção mais rápida, dessa forma, possui oferta imediata de aminoácidos para os músculos após os treinos. O Whey Isolado possui duas formas de filtração:

  • Isolado Íon Exchance: é obtido a partir da filtração com reagentes por meio de um processo químico que separa as proteínas. A parte negativa desse processo é que pode haver grande desnaturação (quebra) das proteínas e aumento no teor de sódio no produto final.
  • Isolado Micro filtrado: é um processo mais moderno, que não prejudica a estrutura das proteínas, pois a filtragem é realizada de maneira mecânica em baixas temperaturas. Além disso, possui baixo teor de sódio.

Whey Protein Hidrolisado (WPH)

A versão hidrolisada possui proteínas isoladas quebradas em partículas menores, fazendo com que a absorção dos aminoácidos livres seja mais rápida, disponibilizando-os rapidamente para a construção muscular no período pós-treino.

Apesar de poder conter traços de gorduras e de carboidratos, pode ser a melhor opção para intolerantes à lactose. Também pode ser mais caro, por conta do seu processo de produção, assim como os isolados.

Blends Proteicos

Também é possível encontrar suplementos que combinam os diversos tipos de whey protein, com as diferentes velocidades de absorção (time release), fornecendo aporte de aminoácidos de maneira prolongada e evitando o catabolismo proteico, ou seja, a quebra de massa magra em períodos prolongados de jejum.

Esses blends de proteínas ainda podem ter adição de outras frações de proteínas com absorção mais lenta, como a caseína e albumina, sendo indicados para lanches intermediários ou antes de dormir, períodos em que pode haver mais perda de massa muscular.

Whey 3W

É uma combinação de whey protein nas formas concentrada (WPC), isolada (WPI) e hidrolisada (WPH). Sua ingestão proporciona um aumento gradual de proteínas no organismo.

Essa opção oferece um equilíbrio de carboidratos complexos com baixos teores de gordura e também são fonte de BCAA e todos os demais aminoácidos. É também uma ótima opção para suporte proteico.

Whey Protein Vegano

As proteínas Veganas são normalmente a base de arroz e ervilha, e são livres de açúcar (é adoçado com stévia e xylitol) e corantes artificiais. É uma ótima fonte de proteínas de alto valor biológico para o organismo e é indicada para aumentar o aporte de aminoácidos essenciais na alimentação, além disso, auxilia e contribue para o restabelecimento do estado nutricional de pacientes clínicos.

Mas e ai? Qual o melhor Whey Protein?

Isso varia de acordo com o seu objetivo. Por exemplo, se você precisa de um aporte de proteínas imediato, o consumo da versão isolada e hidrolisada é o mais indicado, devido à sua rápida absorção.

Já o whey concentrado pode ser consumido caso esse aporte não precise ser tão rápido, pois levará mais tempo para ser digerido, por isso ele também é muito usado durante o dia, como por exemplo, no café da manhã ou nos intervalos, como lanche.

Mas se você intolerante à lactose ou possui alguma alergia à proteína do leite você deve escolher a versão hidrolisada, que oferece a proteína quebrada e quase nenhum teor de lactose, mas claro, é indicado consultar um médico ou nutricionista antes de usar o produto por conta própria.

As proteínas Veganas, como o próprio nome já diz, é a escolha daqueles que não fazem uso do whey protein convencional, que é a base de leite e os mix de proteínas, que combinam mais de um tipo de whey protein, também podem ser indicados para a oferta de proteínas imediata e contínua, prolongando o aporte de aminoácidos aos músculos.

Powered by E-Com Plus